17.11.05

Bipolar

Finalmente o sol está brilhando...

Uma pequena pausa no meu inferno astral, no meu mau-humor, na minha vontade de sumir.
É claro que, infelizmente, o sol não possui esse poder todo.
A boa vontade com a vida tem a ver com o fim da TPM, com a visita à minha terra natal, aos amigos, às baladas.
Voltar para casa pode ser uma experiência exasperante, mas também pode ser o combustível para seguir em frente.
Eu, que na maioria do tempo não me suporto, preciso muito das pessoas à minha volta.
Amigos que mesmo estando tão distantes, me tornam mais leve...
É ótimo passar um tempo fora e perceber que algumas pessoas realmente sentiram a sua falta, realmente gostam de ter você por perto.
É bom dançar, extravasar, dar muita risada.
O tal lado leve da vida (esse estranho), que às vezes dá o ar da graça.

3 comentários:

Alisson da Hora disse...

bipolar...ahahahah...transtorno bipolar...coisa que carrego como uma verdadeira maldição...e tome remédio!Mas, como diria a Dorothy, não há nada melhor do que o nosso lar...

Alisson da Hora disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Mme. A. disse...

Consegui finalmente me convencer que não pertenço à vida social a que pertencia antigamente. Alguns poucos amigos ainda podem penetrar em minha cela, mas fora isto, não tenho mais paciência.

Estive deprimidíssima por tempos e tempos, mas agora passou. Acho que entender o que te prende ao chão é que faz com que vc possa voltar a ser livre, voltar a sorrir.

Ainda bem que consegui descobrir isto e voltei a ser retardada. (O que para mim é um estado de graça...)

Espero que fique tudo bem, que o inferno astral termine, que tudo chegue ao final feliz e tudo o mais. bla bla bla bla.

:*